domingo, 5 de julho de 2009

Em noite de Lua Cheia

Com calma,
Sensualmente
Chegaste o teu corpo ao meu
em noite de lua cheia,
perto do mar...belo luar
Onde tudo parecia resplandescente,
mesmo a minha emoção.
que serena tinha andado
mas sem brilho suficiente
Até àquele momento
inesperado,
em noite de lua cheia,
há já muito desejado!
***
M. Teresa Fernandes

4 comentários:

O Zangão disse...

Belo poema menina de tras dos montes. Congratulations! Outra coisa que esta´muito bonito é seu blog. Lindo doce portuga. Olha pra semana creio que estarei a postos. Me aguarde.

mariabesuga disse...

os corpos entendem-se se nós não interferirmos... e acontecem!...

Bj
Bom domingo

TERE disse...

Zangão...volta mesmo com rádio no ar que dia 10 quero os parabéns cantados por ti para o mundo, rss...Obrigada à tua visita...Xi coração.

Boa semana.

TERE disse...

Isso mesmo Mariabesuga mas este texto foi pura fantasia.Melhor que não o fosse...

Bjs